SEGURO TOYOTA COROLLA

SEU TOYOTA COROLLA ESTÁ SEGURO?

O Toyota Corolla tem 4,62 m de comprimento, 1,77 m de largura, 1,47 m de altura e 2,70 m de entre-eixos. Com transmissão manual, o carro pesa 1.255 kg. A caixa automática eleva o peso a 1.280 kg. No porta-malas, o sedã carrega 470 litros de bagagem. Desde a versão de entrada, o Corolla vem equipado com ar-condicionado, computador de bordo, volante com regulagem de altura e profundidade, trio elétrico, airbags frontais, laterais e de joelho para o motorista e sistema isofix para cadeiras infantis.

Vendida há cerca de três anos no Brasil, a 11ª geração do Corolla não é antiga, mas a versão brasileira já estava desatualizada em relação a alguns mercados. A reestilização mexeu mais na frente do modelo, com novos faróis, grade e vincos mais profundos no para-choque. Na traseira, a principal novidade são as lanternas, que receberam um novo desenho e passam a ser de LED.

O interior segue sem grandes mudanças, mas as saídas de ar agora são circulares. Os motores flex 1.8 16V Dual VVT-i de 144 cv, e o 2.0 16V Dual VVT-i de 153 cv – quando abastecidos com etanol, são os mesmos da versão anterior. O câmbio automático CVT Multi-Drive, que emula sete marchas, também segue sem novidades.

Ao volante, a “tocada” é do bom e velho Corolla. Pensado para ser um carro muito competente para um passeio nos fins de semana ou atender com competência os deslocamentos de seu proprietário (a) até o trabalho, o Corolla não é um modelo que inspira uma condução esportiva, como é possível notar pela direção com respostas não muito rápidas como as do Honda Civic, por exemplo. O sobrenome do Corolla é conforto e talvez essa seja uma característica consagrada do modelo que se soma à sua lista de atributos. Como se não bastasse, a Toyota também promoveu uma melhora do isolamento acústico do modelo, adicionando uma camada de borracha ao painel corta-fogo e colocando feltros nos painéis de porta.

No conjunto mecânico, tudo segue igual no Corolla XEi, que traz sob o capô o motor 2.0 16V com comando de válvulas variável, bloco e cabeçote de alumínio e 154 cv com etanol. O câmbio automático é do tipo CVT e seu software de gerenciamento é capaz de simular 7 marchas para a troca sequencial por meio de borboletas no volante. O software também contempla um modo esportivo, que altera o funcionamento da transmissão e cria respostas mais apimentadas aos comandos do acelerador. Com o conjunto formado pelo motor 2.0 16V e o câmbio CVT.

Consumo: o Corolla XEi é capaz de percorrer até 10,6 km/l na cidade e 12,6 km/l na estrada com gasolina.

Agora mais seguro, com os controles de tração e estabilidade mais 7 airbags de série, e um visual levemente aprimorado, com destaque para a nova grade e o para-choque frontal, além da inclusão das luzes diurnas, o Toyota Corolla 2018 chega às lojas nesta semana e promete consolidar sua liderança no segmento. Uma compra mais do que recomendada.

 

Versões atuais: Toyota Corolla 1.8 Dual VVT-i GLi (Flex), Corolla 1.8 Dual VVT-i GLi (Flex), Corolla 1.8 Dual VVT GLi Multi-Drive (Flex), Corolla 1.8 GLi Upper Multi-Drive (Flex), Corolla 2.0 XEi Multi-Drive S (Flex), Corolla 2.0 Dynamic Multi-Drive S (Flex).

 

Já comprou ou está pensando em comprar seu Toyota Corolla? Consulte o valor de seu seu seguro, trabalhamos com diversas seguradoras, indicaremos aquela que melhor se adequar ao seu precioso carro: 2018, 2017, 2016, 2015, 2014, 2013, 2012, 2011, 2010.